PF apreende caderno de anotações de Heleno durante operação

PF apreende caderno de anotações de Heleno durante operação
photo_2023-04-04_18-01-39

[[{“value”:”

A Polícia Federal (PF) apreendeu, durante a operação de busca e apreensão na quinta-feira (8), um caderno de anotações do ex-ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno.

Os agentes da investigação consideram o material importante, porque o general tinha como hábito anotar informações e dados sobre as reuniões promovidas no governo Jair Bolsonaro.

Leia Mais

Em reunião com Bolsonaro, Torres cita exemplo boliviano e diz que ministros poderiam ter problemas

Vídeo de reunião mostra “desespero” do governo Bolsonaro, mas não é a principal prova, dizem fontes da PF

OAB pede que Moraes reveja decisão que impede advogados de operação contra bolsonaristas de se comunicarem entre si

O general era uma espécie de braço direito do ex-presidente. Todas as manhãs, quando chegava ao Palácio do Planalto, Heleno costumava recebê-lo na porta do elevador do terceiro andar.

O militar era presença constante no gabinete presidencial e se reunia quase todos os dias com Bolsonaro, pela manhã. Heleno fazia uma apresentação ao presidente sobre informações de segurança e de inteligência.

Segundo informações obtidas pela CNN, a Polícia Federal deve ouvir novamente o ex-ajudante de ordens Mauro Cid.

As informações fornecidas por ele, no processo de delação premiada, justificaram a operação de quinta-feira.

Este conteúdo foi originalmente publicado em PF apreende caderno de anotações de Heleno durante operação no site CNN Brasil.

“}]] 

Posted in ,
bannerrsm

photo_2023-04-04_18-00-57
Rolar para cima
× Como posso te ajudar?