“Acabar com o PL é antidemocrático”, diz à CNN presidente da Comissão de Segurança da Câmara

“Acabar com o PL é antidemocrático”, diz à CNN presidente da Comissão de Segurança da Câmara
photo_2023-04-04_18-01-39

[[{“value”:”

O deputado federal Ubiratan Sanderson (PL-RS) classificou o pedido do senador Humberto Costa (PT-RS) de cassação do registro do PL como ataque à democracia.

“A propositura feita pelo senador de cassar autorização de funcionamento do PL é absurda e antidemocrática. Sem partidos políticos, não há democracia”, afirmou o parlamentar, que também é presidente da Comissão de Segurança Pública da Câmara, à CNN.

Leia Mais

“Vou entrar em campo usando meu Exército”, disse Bolsonaro em reunião da alta cúpula do governo

Cid lamentou não achar “bala de prata” contra urnas, mesmo com “infiltrados” e “hacker”

Exército vai individualizar quem cometeu eventuais crimes e punir militares envolvidos em tentativa de golpe

Para o deputado, o pedido que pode colocar fim a um partido de oposição ao governo desrespeita a Constituição, que prevê o pluralismo político e partidário.

Mais cedo, o petista enviou ofício à Procuradoria-Geral da República em que pede que seja movida Ação de Cassação de Registro Eleitoral do PL no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) caso sejam comprovados os ilícitos e atos criminosos eventualmente praticados.

Entre os alvos da operação desta quinta-feira, está o presidente nacional da legenda, Valdemar Costa Neto.

O PL nasceu há quase 40 anos. Atualmente, possui a maior bancada na Câmara e a segunda maior no Senado. A sede do partido foi alvo de buscas e apreensões nesta manhã.

Este conteúdo foi originalmente publicado em “Acabar com o PL é antidemocrático”, diz à CNN presidente da Comissão de Segurança da Câmara no site CNN Brasil.

“}]] 

Posted in ,
bannerrsm

photo_2023-04-04_18-00-57
Rolar para cima
× Como posso te ajudar?