Planalto planeja liberar R$ 1,6 bi em emendas a partir da semana que vem

photo_2023-04-04_18-01-39

O governo federal quer liberar R$ 1,6 bilhão em emendas a partir da semana que vem, apurou a CNN. São transferências especiais, as chamadas RP6, ou emendas individuais.

Esses recursos já estavam previstos no calendário de 2023. A liberação, no entanto, seria uma resposta do governo às críticas dos parlamentares de que existe uma lentidão.

Leia Mais

STF está disposto a rever pontos que pune imprensa por declarações de entrevistados, dizem fontes

Lira articula apoio da oposição a projeto da moderação dos Poderes

Em votação relâmpago, deputados aprovam regra que afrouxa licitações

 

O governo pretende terminar o ano pagando 100% das emendas disponíveis no orçamento para 2023.

Segundo o ministério do Planejamento, em 2022, último ano da gestão anterior, esse percentual ficou em 50%.

O Executivo e o Congresso vivem uma queda de braço sobre as emendas previstas para 2024. Enquanto os parlamentares querem emplacar mais tipos de emendas obrigatórias ou um cronograma para o pagamento de emendas, o governo resiste.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Planalto planeja liberar R$ 1,6 bi em emendas a partir da semana que vem no site CNN Brasil.

 

Posted in ,
bannerrsm

photo_2023-04-04_18-00-57
Rolar para cima