O que é um domo de calor?

O que é um domo de calor?
photo_2023-04-04_18-01-39

Domo de calor é um fenômeno meteorológico sempre associado com o aumento atípico das temperaturas em uma região e, muito provavelmente, está ligado à ocorrência de uma onda de calor. Também pode ser chamado de cúpula de calor, bolha de calor ou bloqueio atmosférico. E deve se tornar mais comum as mudanças climáticas.

ONU: ondas de calor devem durar mais e serão mais intensas Como o calor extremo pode afetar o corpo humano e até matar

Para entender o domo de calor, basta pensar em uma grande massa de ar quente “presa” em uma região específica, por causa de uma área de alta pressão atmosférica, como uma panela tampada. Esse fenômeno impede a chegada da chuva ou mesmo de frentes frias. Além disso, quanto mais tempo ele durar, mais as temperaturas no local vão se elevar, o que pode ser perigoso para a saúde.

 

O que é domo de calor?

De forma mais precisa, a Royal Meteorological Society (RMetS) explica que “um domo de calor é criado quando uma área de alta pressão permanece sob a mesma região durante dias ou até semanas, mantendo ar muito quente na parte mais baixa”. A alta pressão também impede a passagem e desvia os sistemas meteorológicos, como as frentes frias.


Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.

O principal problema é que as temperaturas vão se elevando cada vez mais. Dentro da cúpula, “o ar quente tentará subir para a atmosfera, mas a alta pressão atua como uma tampa e faz com que esse ar ‘afunde’. À medida que o ar desce, ele aquece por compressão e o calor aumenta. O solo também aquece, perdendo umidade e facilitando ainda mais o aquecimento”, acrescenta a sociedade britânica.

Domo de calor é provocado por uma massa de ar quente presa em uma mesma região por dias ou semanas (Imagem: National Oceanic and Atmospheric Administration/NOAA)

“Até que o padrão de pressão mude, a alta continuará a agravar as condições de calor, trazendo o risco de incêndios florestais, secas e problemas de calor e saúde”, completa. Em paralelo, todo o processo costuma dissipar a cobertura de nuvens, elevando ainda mais a temperatura dos termômetros, já que a incidência dos raios ultravioletas (UV) aumenta na superfície terrestre.

Relação com ondas de calor

Na maioria das vezes, o fenômeno desencadeia o que é conhecido como onda de calor. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), este pode ser definido como um período de calor excessivo, que se estende por dias ou semanas, em que a temperatura média está pelo menos 5 °C acima do esperado para a época.

Com a crise climática, incluindo o aquecimento global e o El Niño, a tendência é que os episódios de onda de calor e domo de calor se tornem mais frequentes, segundo previsão da Organização das Nações Unidas (ONU).

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

Alerta de chuva forte e tempestade para 17 estados e DF; no Sudeste, calor Madame Teia | Quem é o vilão do filme e o que ele nos diz sobre a história Madame Teia | 5 coisas que o trailer revela sobre a história do filme Os 6 superpoderes mais podres da Marvel Comics 🔥IMPERDÍVEL | Compre Galaxy S23 Plus em oferta com cupom exclusivo 10 melhores filmes com Michael Fassbender, protagonista de O Assassino  

Posted in ,
bannerrsm

photo_2023-04-04_18-00-57
Rolar para cima
× Como posso te ajudar?